Acesso Reservado

Entre na sua conta.

(Z1) 2019 - CM de Vila do Bispo - Um concelho a descobrir

Património algarvio esculpido na SandCity

Património algarvio esculpido na SandCity

A Fortaleza de Sagres, as escarpas da costa vicentina, a milenar indústria conserveira de Portimão e a paisagem da Serra de Monchique são alguns dos elementos que foram esculpidos na SandCity, em Lagoa, numa homenagem à história e à cultura do Algarve.

Estas esculturas foram realizadas no âmbito do projecto “Valorização do Património Histórico e Cultural Algarvio”, desenvolvida em parceria com a Direcção Regional de Cultura do Algarve e vários municípios com o objectivo de criar uma sinergia entre os vários espaços culturais do Algarve.

Por outro lado, sendo A volta ao mundo o tema da exposição de areia da SandCity, em que estão retratados vários continentes e países, a representação do património do Algarve é, também, uma forma de sensibilizar os visitantes para o que está mais perto.

Na SandCity pode ser vista a maior exposição de escultura em areia já construída, num espaço de cerca de seis hectares, em que 65 mil toneladas de areia foram transformadas em esculturas detalhadas e de grandes dimensões que ilustram monumentos, animais e pessoas de várias partes do mundo.

Para este projecto de valorização do património algarvio foram, até agora, utilizadas vinte mil toneladas de areia esculpidas, por exemplo, num pescador que apanha percebes num rochedo característico da costa vicentina, batido pelas ondas do mar ou figura de uma moura encantada que terá originado uma fonte de água termal.

Ao nível do património arquitectónico do Algarve pode ver-se, além da Fortaleza de Sagres, a Capela de Santa Guadalupe, construída em meados do século XV, o Farol do Cabo de São Vicente, situados no concelho de Vila do Bispo, e as chaminés de saia de Monchique.

A indústria conserveira, que teve grande importância na economia algarvia, está representada através de elementos da sua história, desde o romano que salga peixe para o colocar em ânforas até à operária da fábrica La Rose, em Portimão, que, em meados do século XX, coloca as sardinhas na lata.

A SandCity, encerra a 8 de Novembro e, até lá, está aberta todos os dias das 10:00h às 19:00h, oferecendo várias actividades lúdicas e culturais para todas as idades e desconto de 50% para todos os residentes do Algarve, ficando assim o bilhete por 5,95 euros para adultos e 2,95 euros para crianças.

  • PARTILHAR   

Outros Artigos