Acesso Reservado

Entre na sua conta.

(Z1) 2019 - CM de Vila do Bispo - Um concelho a descobrir

Lagos com Novembro comemorativo do nascimento de Sophia de Mello Breyner Andresen

Lagos com Novembro comemorativo do nascimento de Sophia de Mello Breyner Andresen

No mês em que assinala o centenário do nascimento da autora, a 6 de Novembro, o Município dá seguimento à vasta programação que lhe dedicou em 2019 com vários eventos no Centro Cultural de Lagos. Entre os destaques, salientamos uma estreia, com uma criação teatral original a partir da vida e obra de Sophia, um recital de poesia e espetáculos musicais a não perder.

Em estreita relação com a Comissão Organizadora e Coordenadora do Centenário do Nascimento de Sophia de Mello Breyner Andresen, Lagos dedicou 2019 a uma das mais influentes autoras portuguesas com eventos que passaram por espectáculos para os mais jovens, peças de teatro, uma Exposição Fotográfica, um Colóquio Internacional. Aproveitando a comemoração do centenário do nascimento de Sophia a 6 de novembro, Lagos preparou uma forte programação cultural durante todo este mês.

As celebrações iniciam a 6 de novembro (21H30) com a peça “Memórias de Criada – Um Espetáculo para Sophia de Mello Breyner Andresen.”. Com texto, direcção e interpretação de Neusa Dias, as figuras principais da peça são as criadas, empregadas, amas, perceptoras, governantas e cozinheiras das casas onde Sophia viveu e escreveu numa visão inventada das suas memórias.

No dia seguinte, o ator Pedro Lamares regressa a Lagos para o Recital de Sophia “O meu ofício de poeta para a reconstrução do mundo” (21H30), enfatizando a força de uma mulher criativa, poderosa e corajosa com uma obra poética de grande influência na língua portuguesa.

A 9 de Novembro (19H), terá lugar o Concerto Coral Prémio Musa. A iniciativa, desenvolvida em colaboração com o Museu de História Natural e da Ciência da Universidade do Porto, distingue a excelência musical da composição contemporânea de tradição erudita ocidental, estimulando e promovendo a língua portuguesa como veículo expressivo. As partituras a concurso par­tem conceptualmente de um ou mais poemas de Sophia. O Júri é composto pelo compositor João Pedro Oliveira e pelos maestros Pedro Teixeira e Martim Sousa Tavares.

Para encerrar o programa, o Município de Lagos recebe no dia 30 (21H30) a Orquestra de Jazz do Algarve para um concerto comemorativo do centenário da autora cujo objectivo é unir a sua Palavra à Música. Através de textos selecionados de Sophia, os quais foram musicados e utilizados para a criação de novas composições e Orquestrações originais pela mão de Hugo Alves, a Orquestra de Jazz do Algarve convida ainda a cantora Ana Rita Inácio para um espectáculo muito especial.

Foto de Eduardo Gageiro

Celebre a vida e obra de uma das grandes autoras portuguesas com o Município de Lagos.


Bilhetes:

Memórias de Criada: aqui

Concerto Coral Prémio Musa: aqui

Concerto pela Orquestra de Jazz do Algarve: aqui

  • PARTILHAR   

Outros Artigos